Internet 2020

Internet Segura 2020

Nos dias de hoje, as tecnologias digitais proporcionam-nos inúmeras possibilidades (acessíveis) nas pontas dos dedos. Pela primeira vez temos inúmeras oportunidades para aprender, partilhar e criar. No entanto, a Internet também abre portas a um conjunto de riscos para os seus utilizadores (especialmente para os mais vulneráveis, como por exemplo as crianças) e para os quais é importante estarmos atentos, tais como o ciberbullying, desinformação e a exposição a conteúdos inapropriados.

Dia Internacional da Internet Segura

Participa-DIA da INTERNET SEGURA

Hoje é o dia da Internet mais segura 

O Dia da Internet Mais Segura 2020 será comemorado hoje em todo o mundo com o tema: Juntos por uma Internet melhor e mais POSITIVA

Canal directo do youtube

Participa no Dia da Internet mais segura

Links para consulta

Press release | Relatório de pesquisa Films | Quiz |

 Dicas principais  | Pacotes de educação  | Espalhe a palavra

 

Recomendações Importantes para TODOS

Internet Segura 2020

  1. Para navegar em segurança,mantém um programa anti-vírus actualizado.
  2. Nas redes sociais, tem cuidado com as informações e fotografias que partilhas.
  3. Não divulgues na Internet a tua morada, número de telemóvel e outros dados pessoais.
  4. Não confies no que um estranho diz quando comunica através da Internet.
  5. Tem cuidado com as fotografias e vídeos pessoais que partilhas. Não divulgues imagens embaraçosas para ti ou para os teus amigos.
  6. Não combines encontros com pessoas que conheces só através Internet.
  7. Interrompe a comunicação se alguém começar afazer perguntas demasiado pessoais ou inconvenientes. Partilha as tuas dúvidas com um adulto – os teus pais ou professores.
  8. Evita páginas web com conteúdos ofensivos. Partilhas as tuas dúvidas sobre os conteúdos com um adulto–pais ou professores. Alguns conteúdos – incitação à violência, racismo, difamação – são ilegais e devem ser denunciados às autoridades competentes.
  9. Ao pesquisar informação não te fiques pelo primeiro resultado. Compara várias páginas para teres a certeza que a informação é verdadeira e opta por sites de referência – escolas, bibliotecas, enciclopédias online, universidades, jornais e publicações.
  10. Não partilhes conteúdos protegidos por direitos de autor na Internet (imagens, textos , vídeos, música ou software). Opta por programas de software livre e conteúdos livres ou licenciados segundo a norma Creative Commons.
  11. (¥€$)Cuidado com anúncios e ofertas. Nunca reveles dados financeiros nem efectues compras de forma insegura e sem consultar um adulto.
  12. Utiliza a Internet em segurança. Protege a tua liberdade e a de todos.

Internet Segura Internacionalmente

Dia da Internet Segura

O Dia Internacional da Internet Segura celebra-se a 11 de fevereiro em 2020 com o tema "Juntos por uma Internet melhor".

Este dia mundial da Internet segura comemora-se todos os anos em fevereiro, com o objetivo de promover a utilização segura da Internet por todas as pessoas, inclusive as crianças, que estão bastante expostas a riscos nesta rede mundial de comunicação.

A iniciativa é da rede conjunta Insafe-INHOPE, a qual junta as organizações que desenvolvem a utilização consciente da Internet na União Europeia.

Tema central em 2020

Todos os anos, este dia, também conhecido como Safer Internet Day (SID), apresenta um tema diferente. O tema de 2020 é "Juntos por uma Internet melhor".

Durante a segunda semana de fevereiro decorre a semana da Internet Segura, com muitas iniciativas nas escolas portuguesas que incentivam a segurança na Internet.

Regras da Internet Segura

- Criar uma password forte e segura;

- Mudar de password de 6 em 6 meses;

- Não ligar todas as contas entre si;

- Não repetir passwords entre contas;

- Fazer compras somente em sites seguros (“https”) e no computador pessoal;

- Atualizar antivírus e restante software do computador;

- Limpar a cache do computador;

- Proteger a rede sem fios de Internet com password segura.

Todos Unidos para uma Internet mais Segura

Unidos por uma melhor Internet

Milhões de utilizadores, de todas as idades, culturas e estilos de vida, usam diariamente a Internet. Contudo, este mundo cheio de potencialidades, também oferece alguns riscos que ameaçam a nossa segurança e bem-estar. Com estas iniciativas pretendemos evidenciar estes riscos, para o ajudar a se proteger da melhor forma e a educar os que o rodeiam.

A Internet faz parte do mundo, criando uma imensa rede de conexões. Vivemos conectados boa parte do tempo, com pessoas, objetos, instituições e até roupas, todos cada vez mais presentes no nosso quotidiano. A Internet é fruto do que fazemos com ela, por isso cada um de nós pode contribuir fazendo um uso cidadão e responsável. Pessoas, grupos, empresas e instituições públicas, todos participam.

Safer Internet Day é uma iniciativa anual com objetivo de envolver e UNIR os diferentes atores, públicos e privados, na promoção de atividades de consciencialização em torno do uso seguro, ético e responsável das TICs, nas escolas, universidades, ONG's e na própria rede. Com esta motivação, o Dia da Internet Segura, criado pela Rede Insafe na Europa, reúne atualmente mais de 140 países para mobilizar usuários e instituições em torno da data e estimular um uso livre e seguro. As ações podem acontecer entre Janeiro e Fevereiro, on e off-line em diferentes contextos.

Todos os anos, organizações do mundo inteiro ligadas a Internet, direitos humanos, educação, apoio e proteção se reúnem para comemorar o Dia Mundial da Internet Segura. No Brasil, a Safernet, com a parceria da Inhope / Insafe, é a instituição que organiza este dia com o objetivo de celebrar um trabalho de consciencialização que nunca para.

 

Dia Mundial da Internet Segura

O Dia Mundial da Internet celebra-se a 17 de maio.

A data visa fazer uma reflexão sobre as potencialidades e desafios das novas tecnologias na vida dos cidadãos.

A data foi estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em janeiro de 2006 e é também conhecida como Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação.

Origem da Internet

A internet teve origem no decurso da segunda guerra mundial, nos finais dos anos 60, tendo como objetivo criar um canal de comunicação específico para os serviços militares norte-americanos.

O advento da Internet originou uma grande mudança no dia-a-dia das pessoas, na forma como comunicam entre si, como procuram e recebem informação, compram bens e serviços, entre muitas outras ações do quotidiano.

Desafios da Internet

Frequentemente a internei origina diferentes tipos de discussões públicas, que resultam do facto de muitos dos conteúdos que estão disponíveis na Internet não serem verdadeiros ou de não se encontrar devidamente atribuída a autoria de um determinado conteúdo, como por exemplo, a utilização de imagens e de textos. A partilha de conteúdos sem autorização dos autores é outro tema que levanta polémica na Internet.

Segurança e privacidade na Internet

Gerenciar sua reputação on-line

Ver outros vídeos alusivos à Internet Segura

Web Summit-Lisboa 2019

Web Summit - Lisboa recebe 70 mil participantes no maior evento tecnológico do mundo.

Empreendedores e investidores procuram negócios e oportunidades ligados à inovação e tecnologia.

Entre os oradores convidados desta edição está Edward Snowden, ex-analista informático e que denunciou o caso de vigilância internacional por parte da agência norte-americana NSA. Vai participar em direto a partir da Rússia, numa transmissão via satélite.A mensagem que vai passar é a que tem defendido nos últimos anos, "Se querem derrotar o terrorismo, se querem acabar com o radicalismo, não o escondam nas trevas, exponham-no à luz e no palco mundial, mostrem às pessoas por que é errado"... VER MAIS
Investidores aplaudidos na inauguração da Web Summit

A edição 2019 da Web Summit foi oficialmente aberta pelo ministro da economia e pelo presidente da câmara de Lisboa.

Pedro Siza Vieira, ministro da Economia, disse que a tecnologia vai mudar o futuro, mas também ajudar a resolver muitos dos problemas da humanidade.Já Fernando Medina, preferiu destacar a confiança de Paddy Cosgrave em Lisboa.O palco na abertura foi também para os verdadeiros protagonistas deste encontro, os investidores. LER MAIS

Web Summit. Marcelo quer regulação e privacidade em debate

Chefe de Estado dirigiu-se aos “protagonistas da revolução digital” e disse-lhes que “agora há que tratar na Web Summit temas de uma revolução que amadureceu, temas como a regulação, como a privacidade, como o financiamento, como a sustentabilidade”

O Presidente da República defendeu esta quinta-feira que temas como a regulação, o financiamento e a privacidade devem ser debatidos na Web Summit, a quem assegurou o apoio de Portugal, incluindo no plano dos investimentos em infraestruturas. Marcelo Rebelo de Sousa falava no Palácio de Belém, em Lisboa, num encontro com representantes de 'startups' portuguesas que vão participar na edição deste ano desta cimeira tecnológica, a quarta realizada em Portugal, que decorrerá entre 4 a 7 de novembro, em Lisboa.

Na Sala das Bicas do Palácio de Belém, o chefe de Estado dirigiu-se aos "protagonistas da revolução digital" e disse-lhes que "agora há que tratar na Web Summit temas de uma revolução que amadureceu, temas como a regulação, como a privacidade, como o financiamento, como a sustentabilidade".

"Eram temas que já vinham de trás, mas ganharam importância hoje. Hoje que a vossa realidade é uma realidade imparável, é preciso tratar desses temas", reforçou Marcelo Rebelo de Sousa, perante o irlandês Paddy Cosgrave, cofundador da Web Summit, a quem se referiu como "cidadão português, quase".

Em seguida, o Presidente da República deixou uma mensagem sobre o futuro, manifestando-se convicto de que a Web Summit "vai recomeçar várias vezes" e para isso conta com "a imaginação do Paddy, mais o apoio de Portugal, mais os investimentos infraestruturais que vão sendo feitos". "E vão ser mesmo feitos, Paddy", acrescentou Marcelo Rebelo de Sousa, num discurso que antecedeu curtas intervenções de cada um dos 75 convidados, já sem a presença da comunicação social.

Neste encontro esteve também presente o ministro Adjunto e da Economia cessante, Pedro Siza Vieira, que no sábado tomará posse como membro do novo Governo do PS, assumindo as funções de ministro de Estado e da Economia e da Transição Digital. No final da sua intervenção, o chefe de Estado disse que as 'start-ups' contribuíram para uma "viragem geracional na economia e na sociedade" e "criaram empregos, criaram empresas, criaram novas dinâmicas" em Portugal.

O Presidente da República agradeceu em especial a Paddy Cosgrave por ter sabido "perceber que Lisboa e Portugal eram interessantes - complicados, mas interessantes, dando algumas dores de cabeça, mas interessantes, obrigando-o a falar muitas vezes e a estudar muitos cenários, mas interessantes". "E não está arrependido, e não pode arrepender-se", considerou.

Artigo para analisar na turma com os alunos que já editam artigos para o site

Faz hoje 50 anos que foi enviado o 1º E-MAIL

Pesquisar sobre o SLACK

WebSumit

Curiosidade : Qual foi a 1ª mensagem de E-Mail?

Informação geral

Primeira tentativa de comunicar

O 1º Email não correu bem mas... mudou o mundo

O papel do Email no futuro

Em Portugal o e-mail expandiu-se a partir de meados da década de 1990

Cientistas da Comunicação/Califórnia

DOUGLAS ENGELBART e Leonard Kleinrock

Imagens de Douglas Engelbart (rato)

Quanto melhor melhorarmos, mais rápido ficaremos melhores

Leonard Kleinrock  e Douglas comunicam entre si o 1º E-Mail

30 º Aniversário Wold Wide Web

Foi em 12 de março de 1989 que um então engenheiro físico de 33 anos, chamado Tim Berners-Lee, entregou ao seu chefe um documento intitulado “Gerenciamento de Informação: Uma proposta”. Nele, haviam enunciados que compunham a ideia de uma “ampla base de dados baseada em hipertexto, com links digitáveis”, a fim de auxiliar no compartilhamento de informações entre seus colegas de trabalho no CERN (Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear, na Suíça), onde está instalado o maior acelerador de partículas do mundo — o Grande Colisor de Hádrons (LHC).

Tim Berners-Lee and Fabiola Gianotti (CERN DG)

O documento ficou conhecido como “Mesh” e tornou-se famoso por ser, basicamente, o primeiro rascunho do que viria a ser a Internet como a conhecemos hoje. De lá até aqui, muita coisa mudou: o “mesh” não é limitado aos trabalhadores do CERN, Berners-Lee recebeu a honraria de tornar-se um cavaleiro pela Ordem do Império Britânico e o mundo sem a rede mundial de computadores seria algo inimaginável dentro da nossa realidade. Só no Brasil, são mais de 120 milhões de domicílios conectados, segundo o Comité Gestor da Internet (CGI).

Google, no intuito de celebrar os 30 anos da World Wide Web, criou um doodle especial elucidando o histórico da web desde o documento que lhe serviu como proposta inicial (ele foi recusado pelo chefe de Berners-Lee, que o chamou de “empolgante, porém vago”), abordando levemente a diferença entre a rede mundial de computadores e a Internet propriamente dita...

Wold Wide Web-30º Aniversário

Historia de Tim Berners Lee

Dia Internacional da Internet Segura

Dia 5 de Janeiro 2019

Juntos por uma internet Melhor

Comunicar em Segurança com a Internet Segura

Como te ligas?...online ...offline, usando as tecnologias? Quais?

  1. Smartphone;
  2. PDA;
  3. Telemóvel (pt) / Celular (br);
  4. Console portátil;
  5. Ultra Mobile PC;
  6. Ultrabook;
  7. Notebook;
  8. Netbook;
  9. Laptop;
  10. Coletor de dados;
  11. Smartwatch;

PEGADA DIGITAL - Onde e como a vais deixar? Sempre que estás online (aqui deixas a tua pegada digital). Tudo o que fizeres online pode ser pesquisado, copiado, partilhado, divulgado e transmitido para sempre.

QUAL É A PEGADA QUE QUERES DEIXAR FICAR? - O que é o Geotagging (Geo-marca)?

  1. É o processo de adicionar metadados de identificação geográfica para vários meios de comunicação marcados geograficamente como fotografias ou vídeo, sitesmensagens SMSCódigo QR ou feeds de RSS e é uma forma de metadados geoespaciais.
  2. Alguns Conselhos:
  3. Desactiva a opção de adição de informação geográfica no teu smartphone
  4. Antes de colocares as tuas fotos na internet,remove a informação Geotagging
  5.  TU TENS VIDA PRIVADA?
  6. Quando publicamos uma foto e a partilhamos com os amigos, gostamos que todos eles a vejam, certo?
  7. O que sabem esses amigos de cada um de nós. Dependem dos outros amigos confiarem ou não na privacidade de cada um. E será que todos confiam na privacidade de cada amigo?
  8. Tudo o que partilhas também pode ser usado contra ti.  Cuidado com o que se carrega para a internet, pois esta esconde muitos perigos.
  9. Falsas identidades (nunca confies em quem não conheces pessoalmente)
  10. Toma cuidado com as pessoas que te aparecem a fazer convites disfarçadas
  11. Procura saber com quem estás a falar.

CYBER BULLYING

  1. A agressão é virtual, mas as consequências são reais.
  2. Se não o dirias pessoalmente, porque escreves? Não escrevas? Não reenvis?
  3. Denuncia abuso? Põe fim ao CYBER BULLYING

QUESTIONÁRIO DO ANO 2019

  1. Este questionário é elaborado por um grupo de jovens de um determinado agrupamento de escolas que ao publicá-lo na Internet, neste dia, poderá ser um alerta para muitos jovens quando não dominam este tipo de tecnologias e desconhecem os seus malefícios.
  2. O grupo etário de alunos compreende os estudantes do 4º ano ao 12º ano de escolaridade.
  3. Para nós adultos também pode ser proveitoso se conhecermos todos os tipos de perguntas e que respostas ou atitudes tomaríamos se fossemos confrontados por jovens.

Segurança da Internet parte de cada um de nós. A partilha virtual não é igual à partilha pessoal, em frente das pessoas, cara a cara.

VIDEOS DISPONÍVEIS

Internet Segura 2019

Youtube – vídeos Internet Segura 2019

Diversos temas  apresentados pelos alunos Clube Microsoft

(Este video faz um resumo de todos os perigos e dá conselhos)

  1. Conselhos de especialistas para cuidar da rede
  2. Redes Sociais: Bullying e Cyberbullying
  3. Desafios violentos
  4. Como comunicar e socializar-se em segurança
  5. As falsas noticias
  6. Recursos essenciais
  7. Segurança familiar
  8. Os jogos online
  9. Protecção da privacidade

"Todos ainda somos poucos para combater os perigos da Internet"

Conselhos sobre a Internet Segura

Web Summit Lisboa

O que é o Web Summit?

Somos uma empresa de Dublin, na Irlanda, que realiza eventos em todo o mundo: Web Summit em Lisboa, Collision em Toronto, RISE em Hong Kong e MoneyConf em Dublin.

A Forbes disse que administramos “a melhor conferência de tecnologia do planeta”;
O Atlântico que a Web Summit é “onde o futuro vai nascer”;
O New York Times que reunimos "um grande conclave dos sumos sacerdotes da indústria de tecnologia".

Num momento de grande incerteza para a indústria sobre a indústria e o mundo em si, reunimos os fundadores e CEOs de empresas de tecnologia, startups em rápido crescimento, formuladores de políticas e chefes de estado para fazer uma pergunta simples: para onde ir?

BitCliq Startup

BITCLIQ APRESENTA PLATAFORMA “BIG EYE SMART FISHING”

Big Eye Smart Fishing”. Este é o nome da plataforma digital desenvolvida pela empresa portuguesa BitCliq, sediada nas Caldas da Rainha, e que está já a revolucionar a indústria da pesca sustentável à escala global. O inovador software – que permite a gestão de frotas pesqueiras em tempo real, fornecendo uma visão 360º das operações realizadas no mar e em terra – foi apresentado na cidade de Vigo, em Espanha, no âmbito da edição 2017 da Conferência Mundial do Atum.
Numa altura em os consumidores manifestam uma crescente preocupação relativa ao consumo sustentável de pescado e à certificação da origem dos produtos marítimos, este sistema de gestão operacional fornece, através da rastreabilidade digital, total controlo sobre o nível de transparência dos fornecedores de peixe, localização e datas da apanha, entre outros detalhes de grande utilidade. Permite, desse modo, que se faça uma escolha responsável.

Plataforma digital

Sic noticias

Big Eye-Smart Fishing

'Big Eye-Smart Fishing, da startup Bitcliq, sediada nas Caldas da Rainha, foi o projecto vencedor, na Categoria Indústria 4.0, da 10.ª edição do ‘Green Project Awards’ 2017 (GPA’17).
O projecto ‘Big Eye-Smart Fishing’ é uma plataforma que começou a ser desenvolvida em 2014, abraçando o desafio colocado pela indústria ‘Seafood Internacional’, que procurava uma solução para endereçar a crescente necessidade de informação relativa a questões do mar e uma gestão sustentável da mesma. (...).

Além do prémio para ‘Big Eye-Smart Fishing’, também o Instituto Politécnico de Leiria (IPL) recebeu uma menção honrosa na categoria Mar, com o projeto Amalia-‘Algae-to-market lab ideas’, que aborda a valorização das algas marinhas invasoras da costa ibérica.
Na 10.ª edição do ‘Green Project Awards’ , também a Escola Escola Básica 2,3 D. Afonso IV Conde, de Ourém, recebeu uma menção honrosa, na categoria ‘Iniciativa Jovem’,  com o projecto Agir.

Startup nacional desenvolve plataforma digital que rastreia pescado desde a captura até ao consumidor final

A "Big Eye Smart Fishing" é uma plataforma digital de gestão de frotas de pesca criada por uma startup nacional, a BitCliq, que está a ter grande impacto no mundo da pesca sustentável. Pedro Manuel é o CEO desta startup, foi nosso convidado na manhã de 19.12.2017 10:53

Aniversário do aluno Monteiro-Lanche convivio

BIG EYE Comandar no Mar

BIG EYE Comandar no Mar by Slidely Slideshow