Dia Mundial do Ambiente

Apelo à mudança de comportamentos - luta contra plástico

O apelo para a mudança de comportamentos está esta terça-feira no centro das iniciativas de associações, empresas, autarquias e Governo, no Dia Mundial do Ambiente.

O apelo para a mudança de comportamentos está esta terça-feira no centro das iniciativas de associações, empresas, autarquias e Governo, no Dia Mundial do Ambiente, com destaque para a luta contra a poluição pelo plástico descartável. O Dia Mundial do Ambiente, criado pela assembleia-geral das Nações Unidas em 1972 e celebrado pela primeira vez em 1974, assinala-se com o tema “Sem contaminação por plástico”, uma semana depois de a Comissão Europeia divulgar a sua estratégia para reduzir a poluição do mar.

A preocupação com a utilização excessiva do plástico por uma população que não para de crescer leva os responsáveis pelas iniciativas a pedir a redução da utilização de plástico, reutilizando-se sempre que possível os vários utensílios deste material e, quando já não têm uso, a colocação no local adequado, o ecoponto amarelo.

Em Portugal, o Governo escolheu a gestão do uso da água, a eficiência da utilização de materiais na construção de casas e a redução do consumo de plástico como temas principais da semana do ambiente, a decorrer até sexta-feira, com o ministro do Ambiente a marcar presença em eventos a cada dia, pelo país.

Nas várias iniciativas incluiu-se a apresentação do Relatório Estado do Ambiente (REA), que reúne informação acerca das várias áreas do ambiente, dos resíduos, à água, ar, ruído ou conservação da natureza. Em Torres Vedras, haverá uma festa infantil, com o tema de mobilidade suave em destaque. Esta cidade tem um sistema de partilha de bicicletas.

Na Arrábida, em Setúbal, será inaugurada uma exposição na área da conservação da natureza, sobre roazes sadinos, espécie de golfinhos que Portugal deve proteger. O ministro estará em Lisboa, onde, no final do dia, inaugura o centro de educação ambiental da Águas de Portugal com o tema “Água a 360º”, em Lisboa, onde serão referidas as linhas fortes da campanha para a poupança deste recurso, a avançar “tão depressa quanto possível”.

Dados divulgados pela ONU dizem que, a cada a ano, chegam aos oceanos oito milhões de toneladas de plásticos, o que ameaça a vida marinha e humana, além de destruir os ecossistemas.

 

Uma imagem diz mais que mil palavras

5 de Junho 2018

Melhorar o mundo começa em cada um de nós

Plugin Analytify

Analytify - Plugin do Dashboard do Google Analytics para WordPress
O Google Analytics Dashboard for WordPress - da Analytify torna o Google Analytics simples em todos os lugares no WordPress (Artigos, páginas e tipos de Artigos personalizados). Ele apresenta as estatísticas em tempo real do Google Analytics de uma maneira bonita sob os artigos do WordPress / Páginas no front end, back-end e em seu próprio painel. Agora já pode obter o painel do Google Analytics dentro do seu Painel do WordPress em um minuto.

Principais recursos deste plug-in do Google Analytics:

  • Instalação super fácil. Processo de autenticação com um clique e adiciona o código de acompanhamento do Google Analytics ao seu site. Não há necessidade de copiar qualquer código manualmente.
  • Complementos de comércio eletrônico aprimorados do Google Analytics Tracking para o WooCommerce e Easy Digital Downloads estão disponíveis (Premium)
  • Estatísticas do Google Analytics ( Geral ) sob as únicas postagens / páginas como um bloco no wp-admin
  • Lista dos principais países
  • Lista das principais cidades
  • MÍDIA SOCIAL Estatística
  • Lista dos principais navegadores referenciadores
  • Lista dos principais referenciadores
  • Estatísticas do dispositivo móvel
  • Veja o que acontece quando os usuários acessam seu site ( taxa de rejeição das principais páginas )
  • Ajuda na otimização de SEO e permite que você veja dados de tráfego para postagens de blogs e páginas individuais.
  • Pode ser fácil personalizável com CSS, você pode dar a forma que desejar.
  • Você pode estendê-lo para qualquer nível. O uso de APIs é muito fácil de trabalhar.
  • Estatísticas do Google Analytics ( completo ) sob as postagens únicas, páginas e tipos de postagem personalizados como um bloco no wp-admin (Premium)
  • Estatísticas do Google Analytics ( completo ) sob as postagens únicas, páginas e tipos de postagem personalizados como um bloco no front-end (Premium)
  • Estatísticas gerais (sessões, usuários, taxa de rejeição, tempo médio no site, páginas médias, PAGEVIEWS, visitantes NOVOS / DEVOLUÇÃO)

Como Instalar o Plugin Analytify no wordpress

Plugin Akismet Anti-Spam

O que é o Plugin Akismet Anti-Spam?

O Akismet verifica seus comentários e envios de formulário de contato contra nosso banco de dados global de spam para impedir que seu site publique conteúdo malicioso. Você pode analisar o spam de comentários que aparece na tela de administração de comentários do seu blog.

As principais funcionalidades do Akismet são:

  • Verificação automática de todos os comentários e filtra os que são suspeitos de spam.
  • Cada comentário tem um histórico de estado, assim pode facilmente ver que comentários foram marcados ou limpos pelo Akismet, ou os que foram marcados ou desmarcados como spam por um moderador.
  • Os URL são mostrados no corpo do comentário para revelar ligações ocultas enganadoras.
  • Os moderadores podem ver o número de comentários aprovados para cada utilizador.
  • Uma funcionalidade para descartar imediatamente o pior spam, poupando-lhe espaço de disco e melhorando a velocidade do seu site.

PS: Precisará de uma chave de API do Akismet.com para o utilizar. As chaves são gratuitas para sites pessoais. Estão disponíveis subscrições pagas para sites empresariais e comerciais.

instruções de instalação

Carregue o plugin Akismet para o seu site, active-o, insira a sua chave de API do Akismet.com.

 

Como activar no blog o Plugin Akismet Anti-Spam

BitCliq Startup

BITCLIQ APRESENTA PLATAFORMA “BIG EYE SMART FISHING”

Big Eye Smart Fishing”. Este é o nome da plataforma digital desenvolvida pela empresa portuguesa BitCliq, sediada nas Caldas da Rainha, e que está já a revolucionar a indústria da pesca sustentável à escala global. O inovador software – que permite a gestão de frotas pesqueiras em tempo real, fornecendo uma visão 360º das operações realizadas no mar e em terra – foi apresentado na cidade de Vigo, em Espanha, no âmbito da edição 2017 da Conferência Mundial do Atum.
Numa altura em os consumidores manifestam uma crescente preocupação relativa ao consumo sustentável de pescado e à certificação da origem dos produtos marítimos, este sistema de gestão operacional fornece, através da rastreabilidade digital, total controlo sobre o nível de transparência dos fornecedores de peixe, localização e datas da apanha, entre outros detalhes de grande utilidade. Permite, desse modo, que se faça uma escolha responsável.

Plataforma digital

Sic noticias


Big Eye-Smart Fishing

'Big Eye-Smart Fishing, da startup Bitcliq, sediada nas Caldas da Rainha, foi o projecto vencedor, na Categoria Indústria 4.0, da 10.ª edição do ‘Green Project Awards’ 2017 (GPA’17).
O projecto ‘Big Eye-Smart Fishing’ é uma plataforma que começou a ser desenvolvida em 2014, abraçando o desafio colocado pela indústria ‘Seafood Internacional’, que procurava uma solução para endereçar a crescente necessidade de informação relativa a questões do mar e uma gestão sustentável da mesma. (...).

Além do prémio para ‘Big Eye-Smart Fishing’, também o Instituto Politécnico de Leiria (IPL) recebeu uma menção honrosa na categoria Mar, com o projeto Amalia-‘Algae-to-market lab ideas’, que aborda a valorização das algas marinhas invasoras da costa ibérica.
Na 10.ª edição do ‘Green Project Awards’ , também a Escola Escola Básica 2,3 D. Afonso IV Conde, de Ourém, recebeu uma menção honrosa, na categoria ‘Iniciativa Jovem’,  com o projecto Agir.

Startup nacional desenvolve plataforma digital que rastreia pescado desde a captura até ao consumidor final

A "Big Eye Smart Fishing" é uma plataforma digital de gestão de frotas de pesca criada por uma startup nacional, a BitCliq, que está a ter grande impacto no mundo da pesca sustentável. Pedro Manuel é o CEO desta startup, foi nosso convidado na manhã de 19.12.2017 10:53


Aniversário do aluno Monteiro-Lanche convivio


BIG EYE Comandar no Mar

BIG EYE Comandar no Mar by Slidely Slideshow

Pascoa

A Páscoa celebra-se a 1º de Abril em 2018.

Esta é uma celebração religiosa que comemora a ressurreição de Jesus Cristo. A Páscoa é um feriado móvel, comemorado sempre ao domingo.

Segundo os populares, esta manifestação “faz parte da tradição de Sendim em tempo de Páscoa”, pelo que a recusa do pároco não foi recebida com agrado.
Depois da tentativa de diálogo com o padre Francisco Silva, sem qualquer resultado prático, alguns fiéis retiraram o missal de cima do altar-mor, impedindo a celebração eucarística, como forma de retaliação.
Momentos antes, já uma paroquiana tinha retirado as chaves das portas da igreja, pois havia receio que o pároco fechasse as portas e não deixasse entrar as pessoas.
Durante a missa da Páscoa, o clérigo não arrancou pé da zona do altar e não demonstrou interesse em realizar a tradicional procissão. “O padre não quer fazer a vontade aos paroquianos e não percebemos esta atitude, pois esta tradição já existe há muitos anos e todos os padres a cumpriram”, lamentava Alfredo Afonso, um dos populares indignados.

A Páscoa é o renascer da vida

A Páscoa “não acaba com o folar, os ovos e as festas, começa aí o caminho”

Gostaria de vos fazer uma pergunta, diz o Papa Francisco?

Qual é a festa mais importante da nossa fé? O Natal ou a Páscoa?

Numa conversa com muitos momentos improvisados, nesta quarta-feira, 28 de Março de 2018, no Vaticano, o Papa sublinhou que é a Páscoa e não o Natal a festa mais importante da fé cristã, porque celebra a “Salvação”, o “amor de Deus” pela humanidade. “Eu, até aos 15 anos, pensava que era o Natal”, confessou a Sua Santidade.

Aula aberta-Internet Segura

"Sensibilização sobre a Segurança na utilização da Internet e dos dispositivos móveis" 

No dia 6 de Março de 2018, deslocou-se à Universidade Sénior do Seixal, o Prof João Torres,  do Instituto Politécnico de Setúbal e Luisa Martins, da Biblioteca Municipal do Seixal, para apresentarem o tema sobre a Segurança na utilização da Internet. A sala estava com muitos alunos que acabaram as aulas, estando muitos outros em aulas no mesmo horário que os impossibilitou de estarem presentes. Esta sessão de esclarecimento foi promovida pela Biblioteca Municipal do Seixal,  em parceria com o Centro de Internet Segura/Centro de Competência TIC da Escola Superior de Educação, do Instituto Politécnico de Setúbal.

A exposição do tema, ao longo da sessão, foi muito elucidativo com imagens e videos apropriados. Foram colocadas no final da sessão algumas questões pelos participantes às quais o Prof João Torres respondeu e esclareceu as dúvidas surgidas. Por fim deu-se por terminada esta sessão que foi muito aplaudida  como forma de agradecimento ao Prof João Torres e à Luisa Martins. Os participantes saíram satisfeitos mais enriquecidos de conhecimentos, que nunca são demais, sobre a segurança na utilização da internet nas redes móveis e redes sociais.

Cidadania Digital-Riscos e Oportunidades

À distância de um clique

Criar uma página no WordPress

  • Qual é a diferença entre uma Página e um Artigo?

Uma página é utilizada para conteúdo “Estático” ou seja ela permanece a longo prazo no sitio e é geralmente associada a um Menu.

Um Artigo é usado para conteúdos de natureza cronológica e temática. Ao ser criado e guardado está associado a uma ordem cronológica e a uma categoria temática.

  • Vamos aprender como se cria uma Página no wordpress:

Ao clicarmos no Menu Páginas, ao lado do menu-Nova Página. Introduzir um titulo. Em baixo escrever o conteúdo a que se refere esta página a atualizar. Guardar Rascunho e Pré-Visualizar se for necessário, ou então faz logo atualizar.

  • A outra  diferença entre salvar um artigo ou uma página é o botão que para salvar o trabalho é chamado de ” Atualizar ” em vez de ” Publicar”.

Miradouro da Rua Augusta

O ARCO DA RUA AUGUSTA

Arco da Rua Augusta aberto ao público em 9 de Agosto 2013

A construção do arco da Rua Augusta foi iniciada em 1775, após o terramoto, mas esta primeira versão viria a ser demolida em 1777, após o início do reinado de D. Maria I e a demissão do Marquês de Pombal. Em 1873, recomeçou a edificação do arco segundo o projeto do Arqt.º Veríssimo José da Costa, que remonta a 1843/44, tendo ficado as obras concluídas em 1875.

Acessível através de um elevador, cuja entrada se localiza na Rua Augusta, o miradouro que se encontra no topo deste monumento oferece uma vista deslumbrante sobre o Terreiro do Paço, a Baixa Pombalina, a Sé, o Castelo de São Jorge e o rio Tejo.

Elevador do Arco da Rua Augusta inaugurado em 9 de Agosto 2013

A restauração do Arco da Rua Augusta, no Terreiro do Paço, em Lisboa, Portugal, vai dar origem a um elevador, onde se vai situar um novo miradouro sobre a cidade.

A viagem no elevador, que dá acesso a um novo miradouro. O elevador será um novo pólo de atracção turística importante, com acesso a um amplo terraço, onde poderá ter uma vista privilegiada de Lisboa.

O acesso é feito por um elevador com capacidade máxima para cerca de uma dezena de utilizadores. Por questões de prevenção colocadas pela Autoridade Nacional de Protecção Civil, apenas vão poder estar no topo do arco cerca de 35 pessoas em simultâneo. Um esforço que, para além do elevador há ainda que subir mais de 40 degraus de uma escada estreita em caracol. O grupo de convidados que assistiu à abertura do arco ao público, o entusiasmo foi tanto que é compensado pela vista que dali se tem.

Na parte superior do Arco é possível observar as esculturas de Célestin Anatole Calmels representando a Glória, coroando o Génio e o Valor.
Já no plano inferior, encontram-se esculturas de Vítor Bastos, que representam as personalidades históricas de Nuno Álvares Pereira, Viriato, Vasco da Gama e Marquês de Pombal.

O texto inscrito no topo do arco remete-nos aos Descobrimentos Portugueses e à descoberta de novos povos e culturas.

VIRTVTIBVS MAIORVM VT SIT OMNIBVS DOCVMENTO.P.P.D

“Às Virtudes dos Maiores, para que sirva a todos de ensinamento. Dedicado a expensas públicas”.

 RELÓGIO 

 O relógio foi construído pela empresa “Boa Construtora – Fábrica de Relógios Monumentais”, fundada em Almada em 1930 por Manuel Francisco Cousinha. O aparelho data de 1941, altura em que ainda não tinha corda automática, pelo que necessitava de funcionários que, algumas vezes por semana, lhe dessem corda e o acertassem. o relógio do Arco Triunfal da Rua Augusta avaria constantemente e pára para grande irritação de Cronos, o Deus do Tempo e ultrapassa a compreensão humana .
 Mais tarde, Manuel Francisco Cousinha, com a alcunha de “engenhocas”, inventou um mecanismo de corda automática que tinha por base o mercúrio. Mesmo assim, por questões climáticas como a humidade e, também, a falta de verbas para a manutenção, o relógio foi-se degradando e, além de parar constantemente, atrasava-se ou adiantava-se. 

Mas esse não é o primeiro mecanismo de relógio do Arco da Rua Augusta, pois que na sala onde está o de 1941 há também um outro mecanismo de relógio do século XIX, igualmente em fase em restauro. Ele veio do Convento de Jesus, hoje Academia das Ciências, e foi adaptado por Augusto Justiniano de Araújo (Valença, 1843 – Lisboa, 1908), grande relojoeiro português fundador da Escola de Relojoaria da Casa Pia, tendo essa notícia sido dado pelo próprio na revista que fundou nos fins do século XIX, Cosmocronómetro.