Dia Internacional da Internet Mais Segura

No dia 7 de fevereiro de 2017, dois alunos de cada uma das turmas de Informática Aplicada àsTIC, do professor Agostinho Bernardo e Informática Aplicada à Web II” da professora Luísa Bernardo, convidados pelos mesmos, dirigiram-se às 18:30 h à Biblioteca Municipal do Seixal, a convite da Câmara Municipal do Seixal, para assistir a uma sessão da sensibilização sobre segurança na utilização da Internet.

Fomos recebidos pela responsável da Biblioteca Luísa Martins e o nosso orador foi o professor Dr. João Torres, do Centro de Competência TIC – ESE / IPS, que abordou o tema de forma clara, sucinta e esclarecedora para os 18 intervenientes.

O Dr. João Torres abordou o tema “Dia Internacional da Internet Mais Segura”, chamando a atenção para vários aspetos, sobre a Internet e a rede social Facebook; o interesse, as motivações e a utilização responsável das redes sociais.

Temas abordados:

Um mundo diferente – novas formas de jogar; novas formas de aprender e comunicar; novas formas de viajar; novos caracteres.

Youtube

  • A cidadania digital – conhecer e respeitar as regras do espaço virtual; quando se apresentar um curriculum de forma diferente e fizer copiar/colar, indicar a citação; utilizar o anonimato.
  • Cyberbulling – não usar as tecnologias para magoar ou fazer mal a alguém.
  • Cuidado! Ao utilizar as novas tecnologias.
  • Ter cuidado ao utilizar o Facebook, o Twitter, etc.
  • Cuidado – com os conteúdos, com os dados pessoais, com os contactos, com os amigos adquiridos nestas redes sociais, não fornecer qualquer indicação que possa levar às burlas; fazer a sua gestão do tempo para estar nas redes sociais.
  • Sobre as redes sociais, chamou a atenção e mostrou vários filmes para nos alertar dos seguintes aspetos:
    • Snapchat (troca de fotos), cuidado com as informações dadas, pois uma vez a foto usada na internet nunca mais desaparece.
    • Mentiras e informações incorretas que são fornecidas.
    • Pensar antes de partilhar.
    • Qualidade da informação, muitas vezes aquilo que nos mandam é mentira ou é falso.
    • As fontes da informação podem não ser fidedignas e serem citações falsas.
    • O direito de autor, muitas vezes não é respeitado.
    • Às vezes a Polícia ou a Marinha utilizam as redes sociais para nos alertar no bom sentido.
    • Atenção às burlas disfarçadas de ofertas e concursos.
    • Definir bem as definições de segurança e privacidade no Facebook.
    • Cuidado com as fotografias publicadas pelos jovens conjuntamente com as nossas que vão parar à internet, sem o consentimento dos seus autores.
    • Ter sempre senhas fortes e seguras no nosso computador, para dificultar o acesso aos nossos dados e entrarem nos nossos sites.
    • Os pais alertarem os filhos para o perigo que pode existir com o uso indevido das redes sociais.

Ficamos conhecedores e mais alertados para algumas situações que possam surgir ao usarmos as redes sociais.

Texto escrito por Odette Pugliese e fotografias da mesma e do colega Hugo Morais

Delegada de Turma Web II: Odette Pugliese